ESCOLAS DO CAMPO – ALFABETIZAÇÃO EM FOCO.

330

Não se põe em dúvida que a aprendizagem da leitura e da escrita são ferramentas de inclusão social e exercício da cidadania. Tendo essa esperança e desejando objetivá-la, o Poder Público Municipal através da Secretaria de Educação concretizou mais uma etapa de seu projeto de elevar o número de crianças alfabetizadas nas Escolas do Campo. Uma proposta pioneira e exclusiva foi lançada no último dia 06 deste, quando os professores receberam uma capacitação diferenciada sob a orientação de um representante do GEIA (Grupo de Estudos e Intervenções em Alfabetização), além do material dos alunos exclusivamente elaborado para nossa realidade. O evento revestiu-se também da maior importância porque, pela primeira vez, foi criado um núcleo de alfabetização que realizará estudos, pesquisas, elaboração de materiais e reflexões sobre a alfabetização no campo (NALFAPI). É um grande passo, visto que a prática pedagógica só será eficiente quando os atores do processo se debruçarem sobre as teorias, suas práticas, suas inadequações, seus resultados e, a partir daí, repensarem novas formas de ensinar. Esse é o caminho que a gestão municipal escolheu para dignificar seus cidadãos: O CAMINHO DA LEITURA E DA ESCRITA.