As Escolas do Campo continuam desenvolvendo com brilhantismo o projeto CIDADANIA, ECONOMIA E DIGNIDADE, FORMAS ESPECIAIS DE VIVER.

95

As Escolas do Campo continuam desenvolvendo com brilhantismo o projeto CIDADANIA, ECONOMIA E DIGNIDADE, FORMAS ESPECIAIS DE VIVER. Assim, essas escolas têm se preocupado em intensificar as relações com a família de tal maneira que pais, mães, familiares e alunos se tornam aprendizes de técnicas de produção de arte, artesanato, culinária, serviços etc. E para quê? Para que as famílias busquem o autossustento e possam ampliar-se economicamente, o que viabilizará o avanço de seus filhos nos estudos e consequente profissionalização dos mesmos. Por ocasião das comemorações do “Dia das Mães,” substituido por “DIA DE QUEM CUIDA DE MIM,” as escolas desenvolveram atividades que fugiam às comemorações tradicionais tais como: durante a aprendizagem de confecção de artesanato, os filhos confeccionaram as lembrancinhas para as mães; mulheres da comunidade foram entrevistadas mostrando como fazem a diferença no lugar onde habitam; as mães, não somente receberam homenagem, mas participaram de OFICINAS DE EDUCAR, discutindo questões e aflições das famílias atuais. Pelas impressões colhidas entre os participantes foi uma comemoração diferente e enriquecedora. Estão de parabéns os professores, coordenadores, supervisora, diretora, auxiliares e a Secretaria de Educação como um todo. A Administração Municipal tem dado todo o apoio, incentivo e olhar cuidadoso a essas escolas, cumprindo seu papel no desenvolvimento de políticas públicas. As ESCOLAS DO CAMPO estão, realmente, formando CIDADÃOS.